Você concorda que é disto que trata a Doutrina Panteísta?

O princípio inteligente ou alma, independente da matéria, no nascimento é haurido do todo universal; se individualiza em cada ser durante a vida, e, na morte, retorna à massa comum, como as gotas de chuva no Oceano.

Conseqüências. Sem individualidade, e sem consciência de si mesmo, o ser é como se não existisse; as conseqüências morais desta doutrina são exatamente as mesmas que as da doutrina materialista.

Nota. Um certo número de panteístas admite que a alma, haurida no nascimento no todo universal, conserva a sua individualidade durante um tempo indefinido, e que ela não retorna à massa senão depois de ter chegado ao último grau da perfeição. As conseqüências desta variedade de crença são absolutamente as mesmas que as da doutrina panteísta propriamente dita, porque é perfeitamente inútil se dar ao trabalho para adquirir alguns conhecimentos, dos quais deve perder a consciência aniquilando-se depois de um tempo relativamente curto; se a alma , geralmente, se recusa a admitir semelhante concepção, quanto deveria ela estar mais penosamente afetada, pensando que, no instante em que atingisse o conhecimento e a perfeição supremas, seria aquele em que seria condenada a perder o fruto de seus labores, perdendo a sua individualidade

8 Antworten

Bewertung
  • YESNO
    Lv 7
    vor 8 Jahren
    Beste Antwort

    Olá,

    Como disse o Platão Boy, a idéia panteísta por faltar contornos, não estabelece cercas à divagação.

    Até o conceito budista, ateu, do nirvana tem semelhança com um panteismo sem deus, mas com o Todo Consciente e Imanente.

    Em grossas linhas é como se as labaredas de uma Matriz Incandescente ativa desenvolvessem um fractal de consciência, simples por terem sido destacadas e, exercitando essa individualização, por sintonia e semelhanças de alguns atributos voltassem, por atração, à fonte mãe.

    O que resta, filosoficamente, incoerente, é o sentido da Ser, do Destino e da Dor, tão magnificamente discutido por Leon Dénis. Se a incorporação ao Todo anular a individualidade, todo o processo é de uma inutilidade prática e teórica absurdas.

    Falo com os parcos conhecimentos espíritas que temos: Não conhecemos o que sucede aos espíritos que se iluminam. Só podemos intuir e sentir. Mas os que estão na nossa esfera deixam claro que a individualidade tem tudo a ver com a consciência desperta.

    Os que "dormem" estão mais diluídos no nada da consciência cósmica do que os que evoluem até a condição de budas na sintonia com o espírito crístico.

    Alguns louvam o dito de Santo Agostinho sobre os conceitos da fé em Deus: "Creio porque é absurdo" já que apazigua o espírito e relaxa o cérebro.

    Nesse absurdo cabem os deuses das religiões, materializado ou antropomorfizado e cabem o Nada, o Nirvana, o Panteísmo. É, de certa forma, cômodo. A fé pela fé.

    Mas os espíritas pensam algo um pouco diferente: O absurdo só reside na imperfeição do nosso aparato cognitivo material sintonizado por espíritos ainda pouco evoluídos.

    Somos como instrumentistas executores de notas musicais. Em perfeita harmonia, afinadas na pulsação compassada e sintonizadas, estaremos aptos a compor a sinfonia sem perder a individualidade e a ação pessoal.

    Um abraço.

    Paz Sempre!

  • vor 8 Jahren

    o movimento panteísta é muito diversificado

    este que voce citou é apenas um

    o tipo mais popular é o reencarnacionista, o qual deus emana as unidades, e estas após muitas viviencias, se tornam perfeitas e voltam a Deus, nesta não há individualidade após o fato.

    mas enfim, há muitas correntes

  • StJohn
    Lv 4
    vor 8 Jahren

    A Doutrina Panteísta em alguns aspectos se assemelha a Doutrina Espirita.

    A Origem todos sabemos é DEUS, a essência Universal. Pela evolução gradativa chega-se realmente a individualidade consciencial, após toda a evolução relativa chega-se no estágio final e surpresa...

    Onde terminará a PERFEIÇÃO ABSOLUTA?

    Ok. Eu respondo. DEUS, convida todos os ESPÍRITOS que chegarão a perfeição a tornarem-se seus CO-AJUDANTES, ou seja, transformam-se em CO-CRIADORES COM DEUS, logicamente, não é uma opção forçada, mas um convite.

    Passam sim ai a pertencer a divindade. Mas, tendo a sua individualidade e sua consciência.

    Ai está a verdade, que nem os Panteístas sabem. Nem os Espíritas sabem.

    Quelle(n): EU
  • vor 4 Jahren

    Sem dúvida, o panteísmo é a única visão de Deus que consegue a proeza de não contradizer a si mesma. O panteísta é um ateu que não consegue digerir o princípio da incerteza, (popularmente chamado de acaso)... pois acha que Deus não joga dados, joga xadrez; então substituiu o Princípio de Heisenberg pelo Princípio de Roberta close... "Tudo que incomoda, ou atrapalha, deve ser eliminado, porque o importante mesmo é ser feliz". °ªº°ªº°ªº°ªº°ªº°ªº°ªº Kéfren, você é um cara nota dez! Minha única preocupação é que um dia nossas idéias acabem concordando totalmente... aí perde a graça. Um abração, meu camarada. ?

  • Wie finden Sie die Antworten? Melden Sie sich an, um über die Antwort abzustimmen.
  • vor 8 Jahren

    Eu acho inevitável esta 'volta à massa comum' em algum estágio de nossa evolução... só tenho dúvidas quanto à perda ou não da individualidade... é bem provável que seja bem assim como você comentou, pois o que chamamos de 'individualidade', na verdade é o ego.. e é disso que trata a evolução espiritual: aniquilamento do ego.

    Mas talvez estaremos na mente de Deus exatamente como a gota de água está no oceano: fazendo a nossa pequena mas fundamental parte no Universo.

    Mesmo sendo nós apenas um 'sapo no poço tentando entender o Oceano'... e eu como Agnóstico, sabedor que jamais poderemos entender as razões de nossa existência enquanto aqui nesse planeta, a vontade de conjecturar sobre esses assuntos é mais forte que a sabedoria de não tentar entender...

    Talvez também esteja correta a afirmação que 'tanto faz' se auto-intitular 'panteísta' ou 'materialista', pois as conseqüências são as mesmas... porém quem sabe devamos esquecer a materialidade para voltarmos à 'massa' o quanto antes, não é? sei lá... são só suposições...

    Até mais...

  • vor 8 Jahren

    Sim, isso é panteísmo. Toda crença em Deus como uma energia que está em tudo e todos é resultante dessa corrente. Porém há suas ramificações doutrinárias também, como o sistema monoteísta e politeísta.

    Agora sobre a nota:

    Acredito que a ideia desse "curto" espaço de tempo está mal colocada. A ideia de voltar a massa inicial surge no momento em que se conquista a "perfeição" tal qual a massa é. E como limitar a nossa pequenez até os meandros da perfeição num curto tempo? Impossível. Na verdade o tempo que achamos muito é um grão de areia no universo. De acordo com a teoria descrita, o homem precisa reencarnar uma infinidade de vezes até conseguir alcançar o ápice de perder sua individualidade, e se misturar a energia (massa) primária. O que na verdade nem considero perder, mas passar a ser.

  • vor 8 Jahren

    Somos iguais a brinquedos... quando tudo esta bem e funcionando: vivemos!

    Porém um dia quebramos então acabou tudo... e qual o problema?

    Não ha porque ser triste em se saber finito... nada é eterno... até a matéria,

    que por sinal é a única que continua a existir, se transforma e se dilui no

    DNA da vida e das outras coisas...

  • HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA HERESIA

    Deus Cria uma NOVA Alma para cada Corpo que é gerado!

    http://fragmentocatolico.blogspot.com

Haben Sie noch Fragen? Jetzt beantworten lassen.